Loading...

terça-feira, 7 de junho de 2011

City of Storms

1,2,3 Testando, testando... alô, alô... aaalôô... Ahá, ainda funciona! Eu nem acredito que estou escrevendo aqui de novo...
Cara... eu moro em Itapecerica da Serra (meu padrasto fazia trocadalhos infames com o nome dessa cidade...), aqui é muuuito frio e alto, fica sentido Curitiba... Mas não é tipo, do lado de Curitiba, mesmo tendo placas na entrada da cidade indicando quantos quilômetros faltam até lá...
Hoje, à mais ou menos três horas à trás deu uma puta chuva, mas tipo, aquela senhora puta chuva saca? estilo ciclone? Pois é... daí eu decidi sair pra comprar Cordon Bleu pra fazer para minha gatíssima esposa - que por sinal chega daqui à pouco - Tinha galhos de árvores espalhados pela avenida principal da cidade, estava tudo molhado, e a padaria mais famosa da city estava sendo mantida à luz de velas! houve queda de granizo aqui nesse lugar, sérião! Da janela aqui de casa que fica perto da cozinha, dá para ver que metade do maior bairro desse lugar ficou todo apagado, imagino que alguma árvore tenha caído sobre a fiação de postes por lá. Amanhã acho saudável dar um rolê só pra ficar informada do que acontece ao redor da minha residência... Da última vez que aconteceu coisa similar, a cobertura do posto de gasolina que fica em frente ao Pronto Socorro voou, e foi cair bem no meio da avenida cara! Na época eu fiquei imaginando a cobertura caindo dentro do P.S... Creio que muita gente de Itapecerica ficou pensando: Puta que bosta, deveria ter acontecido, só para cair bem em cima das recepcionistas e do médico chileno da porra desse lugar...
A sorte é que nunca houve desmoronamento aqui nessa cidade (que eu saiba ou lembre). Tem muito mato aqui... então imagino que as raízes das árvores desse lugar sustentem bem o chão daqui, tá aí uma vantagem de morar no mato haha
Uma vez eu fui comprar pastel pra minha gatíssima esposa... Cheguei lá no recinto e pedi o pastel de atum com queijo dela, ok. Fiquei o maior tempo lá esperando e ia começar a chover... Daí:
- COMANDA (sei lá que número era) TAL!!!
Tomei um puta susto...
- Oi, sou eu!
- Tá aqui ó!
- Ah tá, thanks (eu tenho a mania de responder coisas para as pessoas em inglês, mesmo sabendo que a maioria não entende... droga)
Voltei para casa correndo, já havia começado a chover... GRANIZO!
Cheguei em casa e a Tamiris estava em baixo de todas as cobertas, de pijaminha cor de rosa sufocando uma de nossas filhas... a Otiko (uma gata preta vira-lata), falando que estava salvando o bicho de uma possível "enchente" Detalhe: nós moramos no apartamento número três... Passado o terror da chuva, ela foi ver o pastel dela... E não havia vindo um pastel de atum com queijo, mas sim dois pastéis nada à ver com nada... Eu tive que ir lá trocar os pastéis pelo pastel... não demorou tanto... Se eu fosse uma pessoa má caráter, eu teria ficado com os dois pastéis... mas como não sou má caráter e vegetariana...
A Tamiris agora está com o cabelo "vermelho pimenta rosa cintilante fosforescente" tá legal, mas ela quer passar a tinta em cima do cabelo várias vezes na intenção de que ele fique vermelho tampinha de Coca Cola...
E meus gatos estão com mau hálito....

Nenhum comentário:

Postar um comentário